0

Os atalhos básicos do photshop

PS

Quando precisamos do photoshop para o uso profissional, ou seja para trabalhos em massa as coisas começam a se complicar mais um pouco, principalmente se os trabalhos começarem a acumular. Para que nossas tarefas realmente rendam é preciso conhecer alguns atalhos básicos que já são padrões do photoshop, então é este assunto que vamos falar hoje. Dos atalhos básicos do photoshop, além de alguns atalhos do windows que são indispensáveis para o rendimento de nosso trabalho. Obs. (Os comandos e teclas de atalho podem variar de acordo com a versão instalada) e esta dica é para quem usa o Windows.

Os atalhos básicos do Photoshop

Modos de exibição de tela- Para alterar os modos de exibição de tela pressione a tecla “F” (atalho padrão de seu teclado) para que os modos de tela sejam alterados, com um único toque você alterna entre modo de tela padrão, recolher paletas e caixa de ferramentas e modo de tela cheia.

0021

A grande vantagem é que em apenas um toque você pode mudar o modo de tela seja deixando o modo tela cheia para sua visualização ou do cliente e rapidamente voltar a exibir as paletas de menus e caixa de ferramentas para o seu uso.

Alternar entre imagens abertas na área de trabalho- Para alternar entre imagens abertas na área de trabalho mantenha pressionada a tecla “CTR” e use a tecla “TAB” para alternar entre uma imagem e outra, assim você ganha tempo.

Criando um arquivo novo

Clique em “CTR + N” e em seguida defina o tamanho da imagem que quer criar, clique enter para criar o novo documento;
Clique em “CTR + SHIST + N”, para criar uma nova camada no mesmo documento;
Para fechar um arquivo aberto clique em “CTR + W”;
Para fechar o programa clique em “CTR + Q”;

Estas são as teclas mais básicas, do photoshop, para obter as teclas de atalhos para ferramentas basta passar o mouse lentamente sobre a caixa de ferramentas, é bom ir memorizando aos poucos as barras das principais ferramentas de uso.

Atalho para o comando zoom

O photoshop dispõe da ferramenta zoom,  tecla de atalho “Z”, mas podemos usar os comando de atalhos que são bem mais eficientes.

Para ampliar o zoom de uma imagem aberta na área de trabalho use a tecla de atalho “CTR e a tecla +” para diminuir o zoom da imagem use a tecla de atalho “CTR e a tecla -“. Assim você ganha tempo ao ampliar ou reduzir o zoom da imagem.

Ferramenta mover

Por padrão o photoshop dispõe da ferramenta mover mão, tecla de atalho “H”.

Para ganhar tempo ao mover a imagem na área de trabalho você pode usar a tecla de atalho “Barra mais o botão esquerdo do mouse”, assim você não precisa ficar usando a todo momento a tecla “H”, ou direto o atalho da caixa de ferramentas.

Desfazendo as última edições

históriocoO photoshop possui a paleta histórico qual permite que você clique nas últimas alterações feitas e vá desfazendo as últimas alterações.

Podemos desfazer isto de uma forma mais rápida usando as teclas de atalho “CTR + ALT + Z”, o photoshop desfaz até as últimas 20 alterações feitas, para restaurar a imagem original clique diretamente no nome da imagem na paleta histórico.

Todos os atalhos padrões do Photoshop

Ainda é possível criar seus próprios atalhos através do menu “Janela, Área de trabalho, Menus e Atalhos de teclado“. Através deste menu você pode visualizar todos os atalhos padrões do photoshop e ainda criar seus próprios comandos de atalho.

Recomendo que leia também: O que são Pixels e Megapixels e Como cortar imagens para impressão

Comando pastas do WINDOWS

Para abrir mais rapidamente a pasta meu computador do WINDOWS use a tecla de atalho “CTR + E”;
Para fechar rapidamente a pasta use a tecla “CTR + W”;
Para criar um nova pasta dentro de uma pasta aberta use as teclas de atalho “CTR + SHIFT + N;

Estes comandos são bem legais e ajudam a ganhar tempo nas operações de trabalho.

Alternando entre uma janela e outra no windows

Algumas formas práticas e rápidas para você alternar a tela de trabalho é mantendo a tecla “WINDOWS” pressionada e em seguida pressionando a tecla “TAB”, as janelas se apresentam em modo cascata como mostra a figura abaixo.

014

Outra forma bem rápida e eficiente para alternar entre telas de trabalho é a mantendo a tecla “ALT” pressionada e pressionando seguidamente a tecla “TAB”,  as janelas se apresentam lado a lado como mostra a figura abaixo.

417

Usando estes comandos você pode usar várias telas abertas e alternar entre elas rapidamente sem perder tempo.

Estes são os comando que eu mais uso e indico para você ganhar tempo na realização de suas tarefas com o uso do photoshop e Windows.

Espero que tenham gostado desta dica, em breve voltarei explicando o USO de algumas ferramentas que são indispensáveis para fotógrafos. Não se esqueça de curtir o artigo e também dar um curtir em nossa página do face. Abraços e até a próxima se Deus quiser.

0

Como Cortar imagens para impressão?

Ferramenta corte

Se você pretende trabalhar profissionalmente como fotografia este é um assunto que vai lhe interessar e bastante. No assunto anterior falamos sobre Pixels e Megapixels, agora estaremos entendo como isto funciona ao enviar as imagens para impressão, além da ferramenta correta para redimensionar a imagem a ser impressa.

1- Usar o lightroom ou photoshop?

Precisamos de um software para o tratamento e edição da imagem, então podemos trabalhar com o photoshop ou lightroom ou ambos, caso você ainda não tenha nenhum destes dois softwares poderá fazer o download da versão de avaliação direto no site da adobe, lembrando que tem planos para fotógrafos a partir de 22,00 reais o mês.

Existem algumas diferenças entre estes dois editores. O photoshop possui ferramentas mais voltadas a edições e é mais indicado para o tratamento do arquivo final em JPEG, enquanto o ligthroom é voltado ao tratamento de imagens (Arquivo Raw). Então vamos começar com algumas dicas de photoshop.

Antes disto ainda precisamos calibrar o monitor de nosso computador para que as impressões fiquem o mais próximo possível do que ajustamos na tela do computador. Para não estender muito irei abordar em um outro assunto.

2- Conhecendo a interface do photoshop.

Photoshop

Na parte superior temos os menus onde que o caminho para as funções, aí estão localizadas a maior parte das funções do programa, ao lado esquerdo temos a caixa de ferramentas e a direita o compartimento de paletas. Esta é a visão do programa agora vamos começar pelo básico aprendendo uma coisa de cada vez.

Leia também: O que são pixels e megapixels

3- Como abrir uma imagem “JPEG” no photoshop?

3.1- Acessando o comando abrir através do arquivo no menu superior;
3.2- Usando a tecla de atalho padrão do photoshop, “CTR+O” do teclado;
3.3- Selecionando uma ou mais imagens dentro de uma pasta, arrastando e soltando direto na área de trabalho do photoshop;
3.4- Clicando com o botão direito do mouse sobre a imagem e selecionando a opção “Abrir com Photoshop”;

4- Escolhendo o modo de cores

Modo de cores

Como estamos tratando de imagens para impressões em papel fotográfico vamos usar estas configurações. Com a imagem já aberta vamos usar o modo de cores RGB e 8 Bits/Canal como mostra a imagem. “Esta é a forma que eu trabalho”. Para informações técnicas segue o link direto do site da adobe.

5- Selecionando a ferramenta de corte “C”

002

5.1- Passe o mouse lentamente sobre a caixa de ferramentas para que o nome de cada uma delas seja exibida;
5.2- Selecione a ferramenta corte de marcado c, através da caixa de ferramentas;
5.3- Ou através do comando “C”, atalho padrão do seu teclado;

6- Padrões de medidas disponíveis

Tamanho

O photoshop dispões de várias padrões de medidas, algumas comuns e outras muito incomuns para quem está iniciando. Entre elas estão a porcentagem, polegadas, cm, mm, pontos, paicas e colunas como mostra a figura a esquerda.

Para facilitar o aprendizado vamos trabalhar com medidas em centímetros “cm” que é o padrão mais usado no brasil.

7- Preparando a ferramenta de corte

Agora que a ferramenta de corte está selecionada vamos aprender como prepara-la para o nosso uso, inserir medidas manualmente, usar as predefinições padrão do photoshop, criar nossos cortes predefinidos, assim começamos a entenda-la melhor.

25

8- Obtendo e apagando as medidas da imagem aberta na área de trabalho

8.1- Para obter as medidas da imagem aberta na área de trabalho, clique em imagem frontal, “Ícone (N°6)”;
8.2- Para apagar os valores das caixas de medidas clique em apagar “Ícone (N°7)”;
8.3- Para exibir as informações completas da imagem aberta clique no menu imagem e depois em tamanho da imagem ou use o comando de atalho “CTR+ALT+I” do seu teclado. A paleta tamanho da imagem será exibida;
8.4- Para exibir o tamanho da área a ser impressa, clique em imagem e tamanho da tela de pintura, ou use o comando de atalho “CTR+ALT+C”  do seu teclado. A paleta tamanho da tela de pintura será exibida.

9- Usando os cortes predefinidos padrão do photoshop

9.1- Clique no menu (N°1) ao lado da ferramenta de corte para que os tamanhos de corte estejam disponíveis em polegadas;
9.2- Selecione a medida de corte desejada (Em polegadas);
9.3- Note que a medida selecionada aparecerá nas caixas, “Largura, altura e resolução”, item (Nº 2, 3 e 4);

10- Inserindo o tamanho do corte manualmente

10.1- Com a ferramenta de corte “C” selecionada, em largura, insira a largura desejada seguida da unidade de medida (N° 2) da figura;
10.2- Faça o mesmo na altura;
10.3- Altere o padrão de resolução para pixels/polegada como mostra a figura (N°5);
10.4- Nota. A largura sempre deve ser  preenchida seguida da unidade de medida. Ex. Largura “10,5 cm”, Altura “15,5 cm”, Resolução “300 pixels/polegada”;

11- Criando suas próprias predefinições de ferramentas

11.1- Preencha a medida desejada manualmente como explicado acima. Ex. Largura “10,5 cm”, Altura “15,5 cm”, Resolução “300 pixels/polegada”;
11.2- Clique no ícone (N°1) para expandir a paleta;
11.3- Clique no ícone (N°8) para que o menu nova predefinição de ferramenta seja exibido;
11.4- Clique sobre nova predefinição de ferramenta;
11.5- A paleta predefinição de ferramentas já irá abrir com o nome “Ferramenta Corte Demarcado” e com as medidas que você criou no passo (2 Explicado acima).
11.6- Na caixa de diálogo em azul você ainda poderá dar o nome para sua ferramenta de corte predefinida;

Agora basta que você crie as predefinições para as medidas desejadas e salve as, assim não será necessário você memorizar os cortes, ou anota-los em um papel e ficar digitando toda vez que for mudar o tamanho do corte.

12- Preparando a ferramenta de corte

COR

Agora vamos ver as últimas opções de ajustes da ferramenta de corte para ajudar você em seus trabalhos.

12.1- Com a ferramenta de corte selecionado clique em um dos cantos da imagem e arraste o cursor do mouse sobre a imagem;
12.2- Para alterar o tamanho do corte clique em um dos nós das vértices como indica a figura (N°1);
12.3- Para mudar a área a ser cortada clique no espaço vazio no meio da área selecionada e arraste a seleção para o local desejado;
12.4- Clique no menu item (N°2) para alternar o modo de corte entre corte normal, regra dos três terços, ou grade;
12.5- Para proteger com cor a área fora da seleção de corte marque a caixa de seleção proteger com cor item (N°3);
12.6- Para alterar a cor do preenchimento clique na caixa de seleção de cor item (n°4);
12.7- Para definir a porcentagem do preenchimento clique no item (N°5) e mova o controle deslizante definindo o percentual desejado e observe a alteração item (N°9);
12.8- Para usar a perspectiva durante o corte marque a caixa item (N°6) e arraste os nós de uma das vértices como indica o item (N°1) da figura;
12.9- Para cancelar a seleção clique no item (N°7) ou na tecla de atalho “Esc” do seu teclado;
12.10- Para confirmar o corte na área selecionada clique no item (N°8), ou na tecla de atalho “Enter” do seu teclado.

13- Salvando as imagens

Salvando

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

13.1-  Para salvar o arquivo no mesmo formato e na mesma pasta em que ele foi aberto clique em arquivo e depois em salvar, ou na tecla de atalho “CTR+S” do seu teclado;
13.2- Para escolher o formato desejado e a pasta clique em arquivo, depois em salvar como, ou na tecla de atalho “CTR+SHIFT+S” do seu teclado e selecione a pasta em que o arquivo será salvo (N°1);
13.3- Em nome (N°2) digite o nome do arquivo, em formato (N°3), escolha a opção JPEG, (Para outros formatos selecione o formato desejado);
13.4- Em qualidade (N°4) use o máximo 12, em opções de formato (N°5) progressivo, em análise (N°3) use 3;
13.5- Para confirmar clique em ok, ou use a tecla de atalho “Enter” do seu teclado;

Espero que você tenha gostado deste assunto, não esqueça de dar um curtir nesta dica e também em nossa página do Face, se inscreva na lista de E-mail para receber as próximas dicas diretamente em seu E-mail.

Abraços a todos e até a próxima se Deus quiser.

2

O que são pixel e megapixel?

IMG_8844

O que são Pixels e Megapixels? O que isto interfere na fotografia? Sei que isto são perguntas simples e muitos já sabem, porém alguns acreditam que sabem e não entendem corretamente, então resolvi publicar alguns artigos explicando a forma que trabalho com as imagens desde a produção até o final onde ela é impressa e entregue nas mãos do consumidor. Apesar de achar este assunto meio chato ele é muito importante para quem pretende trabalhar profissionalmente com fotografia. Portanto não deixe de ler.

Aproveite também para ver: Como fazer retratos com fundo desfocado.

O que são pixels?

 

j

O pixel é a menor parte que forma uma imagem digital, podemos concluir que o conjunto de milhares de pixels formam a imagem inteira.

Para ver detalhadamente os pixels de uma imagem basta amplia-la no monitor da câmera ou computador. A partir do momento em que a imagem é ampliada por algumas vezes, podemos ver alguns quadriculados. Cada quadro deste é um pixel.

O que é Megapixels?

Megapixels

O Megapixel é o valor equivalente a um milhão de pixels. Estas unidades são usadas para indicar a qualidade do sensor de imagens de uma câmera fotográfica digital e o tamanho da imagem que ele poderá produzir.

Se multiplicarmos os pixels vertical pelos pixels horizontal de uma imagem teremos a área total da imagem em Megapixels, conhecida como resolução da imagem e também resolução da câmera ou sensor de imagens (Na linguagem fotográfica).

Exemplo

Sem Título-1

Aqui temos três imagens de três câmeras diferentes, vendo as imagens através de um monitor fica difícil saber qual câmera fez qual imagem e qual teria maior quantidade de pixel (Maior resolução) antes da edição. Porque após a edição as três imagens foram redimensionadas para o mesmo tamanho e agrupadas formando uma única imagem.

Sem Título-2

Mas Através destas informações podemos  ver qual era a resolução da imagem (Megapixel), original e até saber o tamanho que elas poderiam serem impressas.

A resolução das imagens usadas acima

Temos a Canon 60D e depois a Canon T3i com a mesma resolução de 3 456 pixel horizontal X 5 184 pixel vertical resultando em uma imagem com 17 915 904 (Dezessete milhões, novecentos e quinze mil e novecentos e quatro pixel), ou seja 17.9 Megapixel.

Por ultimo a Canon Powershot SX 120 IS com representando a imagem da direita com 2 736 pixels horizontal X 3 648 pixel vertical, resultando uma imagem com 9 980 928 (Nove milhões, novecentos e oitenta mil e novecentos e vinte e oito pixels). Que é igual a 10 Megapixels.

Sabe o que isto significa?

Quando as imagens são usadas em baixa resolução, na web (Como este caso por exemplo), ou até para pequenas ampliações em papel fotográfico faz pouca diferença. Então mesmo com uma câmera simples você consegue boas imagens. Se dominar a fotografia.

Mas para impressões maiores existe uma grande diferença, isto irei abordar em um outro assunto.